NEANDERTAL

Preconceito / Preconceito e Efeito

Postada em 2013-10-13, por: Neusa Pinto Nissen e lida: 799 vezes!


PRECONCEITO / PRECONCEITO E EFEITO

 

Sociedade a beira da destruição

      Como avalanche causando desolação

Gerada muitas vezes por certo ladrão

      Não aquele que rouba o pão

Nas entre linhas anda escondido

      Sim o disfarçado de camaleão

Quem o gera não é visto como bandido

      Segue como se fosse bom cristão

De alguns rouba o poder da palavra

      Tanto tempo fiquei calada

De outros deixa a vida dilacerada

      Só o sabe quem provou desta agressão

Uns se fecham e sofrem calados

      Versos sofreram sufocados

Os que protestam acabam aprisionados

      Protestando são discriminados

Rouba de uns sonhos e projetos

      Sonhos em grades clamando por liberdade

Já de outros a vida por completo

      Grilhões invisíveis ceifando vidas

Muitos por ele se deixam abater

      Preconceito mal encarado,

Alguns lutam para ele vencer

      Persisti, lutei e meu coração bradou forte

Diariamente a luta continua

      Venci

Pra uns amena para outros muito dura

      Dele não estou livre, mas sigo com passos firmes

Devemos como iguais nos enxergar

     Gemeram os antepassados, negros escravizados, rastro púrpuro na história

Um ao outro aprender a bem tratar

      Conquista, Presidentes, advogados

A esperança nunca vou perder

      Que finita seja a desigualdade

De vê-lo acabar antes de morrer

      Vença a liberdade e a flor da igualdade

Poder olhar a minha volta com felicidade

      Unidos em busca da felicidade

Todos se tratando com igualdade

...............................................................................................

Marcio Viana

      Neuza Pinto Nissen

Não aprecias poesia?

Postada em 2013-10-13, por: Neusa Pinto Nissen e lida: 877 vezes!


NÃO APRECIAS POESIA?

Alguém me disse:

- Não gosto de poesia, poeta só fala de amor

Será que isto é pilhéria ou agressão?

Respondo-lhe então, prezada senhora:

-Leia com atenção se não puderes ler com o coração

Nas entrelinhas está a dor estendida no varal da vida

O protesto em letras maiúsculas

A indignação em ebulição

Resultantes das notícias dos meios de comunicação

Brade comigo senhora

 Clame intensa, junto a todos que não apreciam poesia

GRITEM PELO DIREITO À VIDA

Idosos continuam morrendo

Vaselina por glicose ou café com leite na veia

Mata mais rápido que cocaína

Crianças ingerindo ÁCIDO AO INVÉS DE SEDATIVO

Bocas queimadas, entranhas dilaceradas

 Desculpe senhora, estes versos também falam de amor

AMOR AO PRÓXIMO

Nesta ânsia que dilacera a alma do poeta

Mesmo se sentindo impotente, não fica indiferente

CHORA, SOFRE, VOCIFERA, MAS TENTA

ROGA SOCORRO À SOCIEDADE, ÀS AUTORIDADES, À HUMANIDADE

O SALVADOR DE ONTEM HOJE É O EXECUTOR 

Em lugar de socorro e consolo

Recebemos uma esmola, O “MEDO”

 Por que escrevo este lamento?

Sou um grão na imensidão do universo

 Apenas poeta sonhador

Idosos perecem e crianças ardem em agonias

ATÉ QUANDO VIDAS DESPERDIÇADAS

 SERÃO INDIFERENTES PÁGINAS VIRADAS?

 

Lançamento do livro: Um Anjo Me Conduz

Postada em 2013-10-15, por: Demétrius Löblein e lida: 1021 vezes!

Mais uma vez o NEANDERTAL tem o orgulho de apresentar o fruto do "trabalho" de nossa querida Neuza Pinto Nissen; este "trabalho!" está entre aspas duplas, pois sabemos que para nossa Neuza, passar para o papel seus sentimentos não é um trabalho, é uma necessidade do coração, e quando esta necessidade explode em forma de versos nasce um livro como este que ela nos presenteia

Segue abaixo um lindo testemunho de Alessandra Cezarine Araujo Rodrigues


 

Um Anjo Me Conduz
As letras deram-me uma amiga a quem chamo de irmã: Neuza Pinto Nissen, a poetisa, mãe, doceira e amiga, como ela mesma a traduz para mim, e aqueles (as), que têm a oportunidade de conhecê-la um presente dos Deuses, desses que caiu do céu!
Nascida em Porto Alegre, em 16 de abril de 1953, residente no município de Viamão. Geradora de vida, mãe de dois lindos filhos, agora gera seu primeiro filho das letras, o qual leva o título de: “Um Anjo Me conduz”. Colhendo os frutos de seu trabalho realizado com muito amor, entrega e verdade e deu-me a honra de escrever um pouco sobre sua trajetória.
 A história desse novo filho, tão desejado, traz aos seus leitores (as) um retrocesso de sua caminhada, uma homenagem eterna ao amor, esse substantivo, que transcende a razão e nos faz mais feliz. Inspiração para seus versos que são apresentados através dos mais diversos sentimentos: a solidariedade, a compaixão, a indignação e o respeito pelo próximo, tudo isso num perfeito equilíbrio entre a Natureza e o Profano. Através de uma poesia simples mais ousada, que emociona, semeando alegria e vida através de versos que deseja que cheguem ao profundo da alma, uma viagem do seu pensamento até o papel, para nos brindar com sua arte!
Neuza publicou seus primeiros escritos no jornal Comunidade Viamonense, aí não parou mais, participou de diversas coletâneas. Premiada em concursos literários, organizadora de coletâneas, e recebeu diversas homenagens aos serviços prestados à Cultura.
Mas o que a faz feliz é participar de projetos de incentivo à leitura e à cultura como o: EJA e Pacto, que além de divulgar e ensinar um pouco da arte e a magia que as letras nos apresentam, aprendeu muito com as diversas pessoas que encontrou e encontra em seu caminho,  mesmo com tantas dificuldades essas pessoas demonstram a força e determinação para superar seus limites e vencer todo o sofrimento presente em suas vidas, é uma grande troca!
Costurando outras metades de nós mesmos, com sílabas, acentos, palavras e pontos, um livro multifacetado, que traz o encantamento da poesia, a verdade das crônicas e pensamentos, um pouco do que somos em forma de poesia, no qual sua marca principal é o “Amor Incondicional”, e você é o nosso (a) convidado especial para essa viagem!

Alessandra Cezarine Araujo Rodrigues
 
...................................................................................................
 

Veja a lista do  sites que vendem o livro

LIVRARIA DO BECO: (clique comprar)

LIVRARIA SARAIVA: (clique comprar)

LIVRARIA CULTURA: (clique comprar)
 

Convite: VI Concurso de Contos, Crônicas, Poesias e Histórias do Internacional

Postada em 2013-10-15, por: Demétrius Löblein e lida: 1371 vezes!

Convite: VI Concurso de Contos, Crônicas, Poesias e Histórias do Internacional

Mas a Neuza Pinto Nissen está abusada mesmo! Além de nos presentear com o livro Um Anjo Me Conduz, ano passado participou do V Concurso de Contos, Crônicas, Poesias e Histórias do Internacional  com o poema NOVOS SONHOS, recebendo Medalha de Mérito Cultural Poético. E este ano Neuza Pinto Nissen, participou do VI Concurso de Contos, Crônicas, Poesias e Histórias do Internacional, ficando classificada em segundo lugar na categoria Crônicas e em quarto lugar na categoria Histórias do Internacional! 

Convida aos amigos para a entrega de prêmios no dia 17 do corrente, leia o convite abaixo!

Fundação de Educação e Cultura do Sport Club Internacional

Casa do Poeta Latino-Americano - CAPOLAT

VI Concurso de Contos, Crônicas, Poesias e Histórias do Inter.

Resultado Do Concurso 2013

Vencedores: POESIA

1º Lugar - Benette Da Motta Bacellar com a poesia: Flor disforme - Troféu

2º Lugar - Maria Da C. Hipólito com a poesia: Dandara no País do Futebol- Medalha de Ouro

3º Lugar- Adélia Einsfeldt com a poesia: Amoras- Medalha de Prata

4º Lugar - Scyla R. B. Battisti com a poesia: O Visitante Noturno - Menção Honrosa Bronze

Vencedores: CONTOS

1º Lugar- Carmen Sylvia C Macedo com o conto: A Viajante Prisioneira - Troféu

2º Lugar - Nurimar Bianchi Mello com o conto: A Esférica Paixão - Medalha

3º Lugar - Reginaldo Costa Albuquerque com o conto: Espantalho - Medalha

4º Lugar - Adilar Signori com o conto: Carta ao Professor Canísio - Menção Honrosa

Vencedores: CRÔNICAS

1º Lugar- Adilar Signori com a crônica: Roca Sales – a origem histórica -Troféu

2º Lugar - Neuza Pinto Nissem com a crônica: Meu Amado País Muda Bras - Medalha

3º Lugar- Adilar Signori com a crônica: Uma Viagem mental- Medalha

4º Lugar - Carmen Sylvia Macedo com a crônica: Convite Feliz - Menção Honrosa

Vencedores: HISTÓRIAS DO INTER

1º Lugar - Adilar Signori com a história: Elton Fensterseifer - Troféu

2º Lugar - Márcio Mór Giongo com a história: Das águas do Rio - Medalha

3º Lugar- Alcione Sortica com a história O Vizinho Gremista - Medalha

4º Lugar - Neuza Pinto Nissem com a história Sport Clube Internacional - Menção Honrosa

MEDALHAS DE MÉRITO CULTURAL POÉTICO PARA:

►Alexandre Lettner Dos Santos com a poesia: PoeMário

► Carla Schuch com a Crônica: Despertar de Inverno

►Eloisa Porazza com o conto: Gol Milagroso

► Felícia Ruedell com a poesia: Descaso Dos Ais

►Jorge Luiz Rocha Da Silva com o conto: O Gigante

► José Nedel com a poesia (Soneto) Suor e Sangue

► Maria Luci C. Leite com a poesia: Utopia

► Marcelo Allgayer Canto com a poesia: noite

► Mario Jose Lilge com a história: O Boné Vermelho

► Roque Palermo com a história: Paixão Colorada

► Valdir Luiz Scariot com a história: O Bode Colorado

► Vera Quednau com a história: Meu Pai,... minha história com o Inter

Porto Alegre, 05 de outubro de 2013

Realização: Casa do Poeta Latino-Americano - CAPOLAT e departamento Cultural da

 

FECI/INTER.


Recomendamos